25 de março de 2009

Antes tarde do que nunca

Ligeiramente, completamente para o mundo pós-moderno, mas nem tão atrasada, quis falar do show Radiohead/Kraftwerk/Los Hermanos. 

Porque quem não foi, perdeu. Que show foi esse? É fato que grande parte das pessoas pra quem eu contava que ia me pediam pra cantar uma música da tal banda e eu fazia minha melhor performance com um pedacinho de “Fake Plastic Trees” e, então, não deve estar achando que perdeu coisa nenhuma. Mas eu insisto que perdeu. Mesmo que a luz alucinante, o efeito das câmeras certeiro ou um pedacinho conhecido de algum single. Ou então a diversão de ver robôs no palco do Kraftwerk. Ou até mesmo ouvir “Último Romance” vendo o Amarante fofíssimo e, ainda, ao lado de um namorado romântico. Enfim, são desses momentos e energias que não se pode passar sem. 


Pra quem se interessar, vou passar o link da entrevista que o Thom Yorke e o Ed O’Brien deram pro chato do Edgard no Multishow. É curtinha, mas ele falando do seu “nasty body” é um charme creep. E quem ainda insiste em não conhecer, ouça o "In Rainbows", por favor.

2 comentários:

Patricia Serenini disse...

Saco.
Minha roommate foi e não fala em outra coisa.
Hj fiz uma entrevista em inglês com uma aluna da escola e uma das perguntas foi "qual foi o último show q vc assitiu?".
Qual foi?
Radiohead.
E ela desenvolveu a resposta por uns 3 minutos.
Daí veio o cara do blog "Palavra de Homem" (lê lá).
Daí vem você?
Putz.
Todo mundo vai ao circo, menos eu.
:(

Verônica disse...

Eu sou dessas que não sabe quem é Radiohead, nunca ouviu o que eles tocam, e não gosto de Chatermanos, mas nesse seu post vc tá tão animada que eu até fiquei feliz por vc e triste de não ter ido!